DAEE apresenta sistema de outorga e fiscalização desenvolvido pela Fundação, em evento da Agência Nacional de Água

DAEE apresenta sistema de outorga e fiscalização desenvolvido pela Fundação, em evento da Agência Nacional de Água

No início de junho, o DAEE – Departamento de Águas e Energia Elétrica do Estado de São Paulo participou da Oficina Progestão da Agência Nacional de Águas (ANA) que, esse ano, teve como tema “Intercâmbio sobre suporte à decisão para outorga”, no qual todos os órgãos gestores estavam representados.

O DAEE, representado pelo Engenheiro Mecânico Blas Marçal Sanchez, ministrou palestra no evento para mais de 120 pessoas sobre “O processo de implementação da outorga eletrônica em São Paulo”, sistema desenvolvido e implementado pela Fundação Ezute.

A Ezute é parceira do DAEE desde 2008, no desenvolvimento do SIBH- Sistema Integrado de Bacias Hidrográficas. Participou também do desenvolvimento da plataforma integrada de Outorga e Fiscalização que permitiu reunir as informações dos usuários de recursos hídricos de todo o Estado de São Paulo em um único Portal na Internet. O resultado foi a integração do instrumento Outorga de Direito de Uso com as ações de fiscalização, fundamentais para a gestão nas bacias hidrográficas consideradas críticas no Estado.

Além de elevar a qualidade dos dados, a solução desenvolvida pela Fundação para o DAEE possibilitou a produção de conhecimento sobre os dados e informações dos usuários através de funcionalidades de geração de relatórios e de consultas geoespaciais.

O objetivo da oficina promovida pela Agência foi a troca de informações sobre o processo de criação, implementação e resultados obtidos por diferentes sistemas de decisão de outorga. O evento foi voltado para servidores estaduais dos órgãos gestores envolvidos com a outorga de todos os estados brasileiros e DF e servidores da ANA.

Conheça AQUI o sistema de outorga e fiscalização do DAEE, desenvolvido pela Ezute.

O que é?

Outorga é uma concessão necessária para a captação de água e, no Estado de São Paulo, é o DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica do Estado de São Paulo) quem faz esse controle.