Fundação Ezute fala sobre pensamento sistêmico, PPPs e Cidades inteligentes em evento do Incose Brasil

A Fundação Ezute marcou presença, na noite de quarta-feira (30), em um dos mais completos e importantes eventos de Systems Engineering do país, o Incose Brasil Conference 2020.

O gerente de projetos da Fundação, Fabio Conte, levou para debate o tema “Cidades Inteligentes e os projetos de infraestrutura sob contratos de concessões e parcerias público privadas: uma visão sistêmica”, em que apresentou frentes do pensamento sistêmico para diferentes áreas que compõem uma cidade, como isso impacta o desenvolvimento e transforma conhecimentos em soluções para ganho de produtividade.

Conte falou sobre engenharia de sistemas, das razões e dos benefícios de se ter uma metodologia de modelagem nesse segmento e destacou que o pensamento sistêmico introduz um olhar holístico que nos leva a uma visão de “systems engineering” que vai muito além da visão técnica e tem como propósito dar suporte ao aprimoramento das organizações em que é aplicado. “O pensamento sistêmico ocorre através da descoberta, do aprendizado, do diagnóstico e do diálogo que levam à detecção, modelagem e conversação sobre o mundo real para melhor entender, definir e trabalhar com sistemas”, comenta.

Sobre as diferentes áreas que contemplam as cidades como social, ambiental, institucional, urbana, tecnológica, econômica e cultural, ressaltou como a questão de sistemas de sistemas, concessões e Parcerias Público Privadas (PPPs) podem contribuir para o desenvolvimento sustentável e tornar as cidades inteligentes. “Cidades Inteligentes são espaços urbanos com consciência ambiental, que, por meios institucionais e econômicos, promovem a Cultura e o bem-estar social com apoio em tecnologias. A cidade só se tornará inteligente se houver a compreensão de que a inteligência somos nós”, analisa Conte.

Ao longo da apresentação, o executivo deu exemplos de como a Ezute tem implementado esses recursos em seus projetos ao longo de mais de duas décadas, citando casos de sucesso de concessões e PPPs nas áreas de planejamento, iluminação pública e saneamento em Estados como Rondônia, Santa Catarina e Piauí.

Organizado pelo Incose Brasil, o evento ocorre até esta sexta, 2/10, e é destinado à expansão do conhecimento e prática da engenharia de sistemas com o objetivo de compartilhar ideias que possam contribuir com soluções para os desafios encontrados pelos pensadores sistêmicos de hoje.